Mercado

Mercado de suínos em ritmo de valorização na granja e atacado

Preços continuam firmes neste mês de julho

27/07/2020 - 10:25 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

De acordo com informações da Scot Consultoria, o mercado de suínos segue firme em julho. O animal terminado nas granjas paulistas teve alta semanal, cotado em R$ 120,00/@ (+9,1%). O aumento foi de 34,1% em relação ao início do mês, ou R$ 30,50/@.

No atacado, o preço seguiu o movimento registrado nas granjas, com alta de R$ 0,70/kg, com a carcaça cotada em R$ 9,50 por quilo (+8,0%), alta de 31,9% frente ao início do mês, ou R$ 2,30/kg.

A exportação de carne suína segue forte e dá firmeza para o mercado interno, pela redução da oferta. Até a terceira semana de julho, o volume médio diário exportado foi 1,42 mil toneladas, de acordo com informações da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) ou 53,2% maior que o volume médio diário exportado em julho de 2019 (Secex).

No mercado interno, a demanda foi impulsionada pela boa competitividade da carne suína em relação às demais proteínas e às exportações. 

No curto prazo, a expectativa é de manutenção do cenário atual. As exportações devem continuar firmes, impulsionadas pela demanda chinesa, país que ainda sofre os impactos da peste suína africana.

 

Informações por Scot Consultoria

Compartilhar

Últimas Notícias