Assista agora:
Economia

Expointer 2020 ganha nova data

Evento será adiado para os meses de setembro e outubro

23/06/2020 - 13:36 | Por Seapdr/ RS - | Siga-nos no Google News

De acordo com informações da Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul (Seapdr/ RS), em razão da pandemia do coronavírus, o governo do Estado alterou a data da Expointer 2020. Prevista, como tradicionalmente ocorre, para o fim de agosto, a feira em Esteio está programada para ser de 26 de setembro a 4 de outubro.

A nova data foi anunciada na manhã da última quinta-feira (18/6) pelo secretário da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Covatti Filho. A feira, que neste ano celebra os 50 anos do Parque Estadual de Exposições Assis Brasil, em Esteio, deve contar com protocolos de segurança sanitária definidos pela Secretaria da Saúde. Entre as quais, estão em análise a medição da temperatura de visitantes e túneis de desinfecção nos portões de entrada.

De acordo com o secretário Covatti Filho, serão mapeados todos os processos necessários para a realização do evento e encaminhados para análise da Secretaria da Saúde e do Comitê da Crise da Covid-19.

“Vamos trabalhar com todas as hipóteses e discutir todas as ações de proteção possíveis. Nosso trabalho é garantir segurança a participantes e expositores”, afirmou Covatti Filho, acrescentando que a feira deve marcar a retomada do crescimento econômico no Estado.

No ano passado, a 42ª Expointer alcançou faturamento de R$ 2,69 bilhões, dos quais R$ 2,54 bi em intenções de negócios do setor de máquinas e implementos agrícolas.

"É muito importante o produtor saber que nossa disposição é de que a feira aconteça. Estamos fazendo todos os esforços para isso, mas sempre primaremos pela saúde de todos que comparecerão", assegurou o secretário.

A Expointer também é essencial para a agricultura familiar, em especial, para as agroindústrias que neste ano, em razão da pandemia, tiveram de enfrentar o cancelamento de inúmeras feiras no Estado. Na edição de 2019, a área movimentou R$ 4,5 milhões.

 

Foto de capa: Acervo Seapdr/ RS

Compartilhar

Últimas Notícias