Pecuária

Imea aponta que a utilização industrial em Mato Grosso subiu 5,3% no início de 2020

Índice saiu de 51,10% em dezembro de 2019 para 56,43% em janeiro deste ano

03/03/2020 - 13:30 | Por Thalya Godoy - SBA | Siga-nos no Google News

O Instituto Matogrossense de Economia Agropecuária (Imea), na última semana, calculou a utilização industrial de janeiro de 2020 em Mato Grosso. Nele, foi observado que a ociosidade registrou queda. O cenário foi desenhado por três fatores, sendo o primeiro a redução da capacidade total, devido a cinco frigoríficos que ficaram inoperantes, alguns fecharam as portas e outros tiraram férias coletivas, impactados pela baixa vazão do mercado. 

O segundo motivo foi o aumento da utilização dos que permaneceram em operação, ou seja, com o remanejamento da oferta de gado daqueles que fecharam. Assim, foi possível ampliar o número de animais abatidos por dia dos frigoríficos operantes. A terceira razão foi o aumento da quantidade de animais abatidos dentro do estado que, segundo dados do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea/ MT), avançou 14,86% no comparativo mensal, totalizando 460,47 mil cabeças. Assim, todo este cenário fez com que a utilização industrial subisse de 51,10% em dez/19 para 56,43% em jan/20, valor 5,33 p.p. maior. 


Boi gordo e vaca gorda
Com o período chuvoso, a logística afetou a oferta de animais em parte do estado. Deste modo, na semana passada, os preços do boi gordo e da vaca gorda foram cotados a R$ 182,17/@ e R$ 171,57/@, respectivamente, o que representa aumento de 0,95% para o macho e de 1,17% para a fêmea no comparativo semanal. 

Bezerro
No mercado de reposição, o bezerro de ano foi cotado a R$ 1.625,10/cab na semana passada, devido a maior dificuldade dos produtores em encontrar o animal, segundo informações passadas ao Imea.

Abate
Com a oferta ainda restrita, as escalas de abate apresentaram leve queda de 0,35 dia ante a semana passada e fechou a semana em 6,94 dias. 

Mercado
O equivalente físico (EF) apresentou alta de 1,01% em comparação a semana passada, tendo em vista que o mercado continua com leve queda nas ofertas de animais e com a demanda satisfatória. 

 

Informações por Imea

Compartilhar

Últimas Notícias