Assista agora:

Panamá tentará recuperar setor suíno em seis meses

"Levará entre 2 ou 3 meses para a produção começar a se regularizar", afirma presidente da Anapor

27/12/2019 - 15:30 | Por Rafaela Flôr* - SBA | Siga-nos no Google News

O setor suíno nacional do Panamá levará seis meses para se recuperar, após três anos difíceis para os criadores de suínos , como resultado das importações feitas durante a administração anterior.

Juan Guevara, presidente da Associação Nacional de Produtores de Suínos (Anapor), disse ao Panamá América que a atividade está deprimida. "Houve uma falência de mais de 70% dos pequenos e médios produtores, quase 50%".

Como o ciclo de produção de suínos não é de um dia para o outro, levará entre 2 ou 3 meses para a produção começar a se regularizar e o benefício poderá ser visto em mais 4 meses, ou seja, cerca de 6 meses para recuperar o caminho do crescimento anual de 10% , explicou Guevara.

Até 2017, o setor suíno cresceu a uma taxa anual de 10% , no entanto, devido ao aumento das importações, elas diminuíram 10% , tanto que, até o final de 2019, serão contados menos 50 mil porcos abatidos.

Nova esperança

O anúncio das autoridades do Instituto de Marketing Agrícola (Ima) e do presidente Laurentino Cortizo , ontem em entrevista coletiva, é bem visto pelo setor, que aspira a dias melhores.

"A medida oportuna pode restaurar a confiança do produtor , já que a situação não foi a falta de tecnologia ou capacidade, mas é a garantia do mercado", afirmou Guevara.

A partir de janeiro de 2020, produtores, agronegócios e autoridades realizarão reuniões para atingir a produção de 500 mil presuntos que serão vendidos nas Naviferias no próximo ano.

Nas Naviferias que ocorreram de 4 a 19 de dezembro, foram vendidos 277 mil 92 presuntos para piquenique e pernas desossadas. Neste ano, o Ima comprou cerca de 280 mil unidades de presunto pelo valor de 3 milhões de 920 mil dólares. Os produtores receberam US $ 22 por unidade de presunto , mas a população os comprou por US $ 8.

Com informações de Suinocultura Industrial.
*Texto supervisionado por Douglas Ferreira.

Compartilhar

Últimas Notícias