Entrevista

‘Ciclo pecuário não é único fator de ociosidade nas indústrias de MT’, diz diretor da Acrimat

Falta de gado para abate foi tratado no programa Mais Pecuária, do Canal do Boi de terça-feira (17) debateu nesta quarta, a ociosidade da indústria em MT. Veja vídeo

18/08/2021 - 16:19 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

O presidente do Sindicato das Indústrias Frigoríficas do Mato Grosso (Sindifrigo), Paulo Bellincanta alerta que o estado, maior produtor de carne bovina, corre o risco de não ter gado suficiente para o abate. O assunto foi debatido ontem, terça-feira (17), no programa Mais Pecuária do Canal do Boi. O analista de agronegócios, João Pedro Cuthi Dias e o diretor técnico da Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Francisco Manzi falaram sobre o tema.

“A ociosidade dos frigoríficos, isso mata o pessoal,  porque o custo fixo, fica muito alto proporcionalmente a redução do abate, tem também a questão de mercado interno. Grande parte dos frigoríficos estão falando que, com certeza, produz para atender o mercado brasileiro”, diz o analista de agronegócio.

Manzi avalia que: "O Ciclo pecuário não é o único fator de ociosidade nas indústrias de MT". 

Veja a entrevista completa:

 

Compartilhar

Últimas Notícias