Economia

Agronegócio alcança recordes no mês de julho nas exportações e importações

Secretaria de Comércio e Relações Internacionais (SCRI) faz balanço sobre altas

12/08/2021 - 11:39 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

Em julho, as exportações do agronegócio registraram valor recorde de US$ 11,29 bilhões, 15,8% superior ao mesmo mês do ano anterior. Outro recorde registrado foi na exportação de carnes em mais de US$ 2 bilhões nas receitas externas.

A Secretaria de Comércio e Relações Internacionais (SCRI) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), após estudos observou que o crescimento das exportações em 28,5% no mês de julho de 2020 para 2021, deve-se à alta no índice dos valores das mercadorias exportadas pelo país. No Brasil o agronegócio participou em cerca de 44,2% das exportações.

A relação de quantum mostrou uma queda de  9,9% das exportações. Porém, devido à forte alta dos preços internacionais, o valor de exportação  atingiu um montante histórico, afirmam os analistas da SCRI.

A exportação da soja em grãos perdeu 1,3 milhão de toneladas em julho de 2021 em comparação ao mesmo mês em 2020. Mas, o aumento no preço médio da oleaginosa em 32,5% na exportação, proporcionou cerca de US$ 4 bilhões no valor do produto exportado.

Foi registrado recorde também de exportações das carnes, registrando US$ 2,03 bilhões, devido à expansão do volume e valores médios de exportação. Desde de janeiro de 1997, as exportações do produto não excediam US$ 2 bilhões em um único mês. Além disso, houve aumento na importação do agronegócio em 25,8%, atingindo US$ 1,2 bilhão. A balança comercial do agronegócio teve saldo de US$ 10 bilhões o setor contribui em cerca de 44,2% no total das exportações do Brasil.

 

Com informações Mapa.

 

Com informações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

Compartilhar

Últimas Notícias