Economia

Empresas do agro se juntam a iniciativa para doar mais de 5 mil respiradores para hospitais

Cada equipamento deve substituir em média 21 cilindros de oxigênio

08/04/2021 - 10:00 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

Um grupo de empresas se uniu em ação coletiva para realizar a doação de cerca de 5 mil respiradores. O equipamento será utilizado no tratamento de pacientes com Covid-19. A doação será importante para cidades que não têm o aparelho, evitando o deslocamento para outras cidades e deve amenizar as superlotações nos hospitais.

A iniciativa atende um chamado público da Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, em apoio ao Ministério da Saúde; a logística dos itens ficará sob responsabilidade do SUS. A expectativa é que os aparelhos sejam enviados aos seus locais de destino no decorrer do mês de abril. 

O tempo médio da utilização do equipamento pode variar entre uma ou duas semanas, a expectativa é que os concentradores atendam, entre 10 mil e 20 mil pessoas mensalmente. 

Cada respirador deve substituir em média, 21 cilindros de oxigênio. Juntos, os equipamentos substituem o equivalente a 1.100.000 metros cúbicos do insumo, o que demandaria cerca de 108 mil cilindros por mês para ser armazenado. O oxigênio fornecido pelo equipamento contribuirá para evitar a sobrecarga na capacidade produtiva da indústria de gases.

As empresas participantes desta iniciativa são: Bradesco, BRF, B3, Embraer, Gerdau, Grupo Ultra, Itaú Unibanco, Magazine Luiza, Marfrig, Natura & Co, Suzano e Unipar.

 

Com informações da Assessoria / Foto de capa: Marcello Casal JrAgência Brasil

Compartilhar

Últimas Notícias