Pecuária

Parceria entre Embrapa e produtores traz melhorias para produção no semiárido

Projeto “Tecnologias Agropecuárias para o Semiárido Mineiro” promove validação tecnológica na produção agropecuária local

24/03/2021 - 12:29 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News
Produtores da região do semiárido mineiro 
Foto: Marina Torres

A partir da implantação de tecnologias que tem como objetivo fortalecer a agropecuária, pequenos produtores do norte de Minas Gerais tem tido bons resultados em suas culturas. Segundo o agrônomo Fredson Chaves, da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária Milho e Sorgo (Embrapa Sete Lagoas – MG).

Nas regiões do Alto Rio Pardo, Médio e Baixo Jequitinhonha, foram disponibilizadas alternativas aos pequenos produtores rurais, em especial para a produção de forragens para pecuária, com intuito de aumentar a eficiência da produção e garantir a geração de renda durante o ano todo.

Após ouvir as demandas feitas pelos produtores da região, a Embrapa uniu forças com outras instituições e assim surgiu o projeto “Tecnologias Agropecuárias para o Semiárido Mineiro”. 

O projeto teve inicio durante de uma visita técnica de produtores locais a Embrapa Milho e Sorgo que ocorreu em 2016, visita essa que tinha o intuito de buscar novas tecnologias para a produção regional para contornar algumas adversidades apresentadas no local, e logo após formar-se uma comissão técnica, para decidir os rumos do projeto.

As Unidades de Referência Tecnológica (URT) servem como centro de capacitação para técnicos e produtores do campo, quatro unidades foram implantadas em municípios que representam cada região: Araçuaí, no Médio Jequitinhonha; Almenara e Jequitinhonha, no Baixo Jequitinhonha; e Taiobeiras, no Alto Rio Pardo. Além disso, 16 propriedades foram selecionadas para a instalação de Unidades Demonstrativas (UD), que visam a divulgação das tecnologias validadas nas URT’s. 

 

Com informações Embrapa Milho e Sorgo

Compartilhar

Últimas Notícias

1° Leilão Fazenda Jardim do Sul & Convidados