Agricultura

Governo libera nova cota de importação de trigo com isenção de Tarifa Externa Comum

Medida tem o objetivo de reduzir custos para a população, devido às valorizações nos preços do trigo no mercado interno

23/06/2020 - 12:57 | Por Cepea - | Siga-nos no Google News

Os altos preços do trigo no mercado interno estão estimulando duas ações importantes na cadeia produtiva, segundo pesquisas do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea). De um lado, visando reduzir o custo para a população em geral, o governo liberou a importação de 450 mil toneladas de fora do Mercosul com isenção da Tarifa Externa Comum (TEC).

Os baixos estoques no Mercosul e o avanço da colheita do trigo de inverno no Hemisfério Norte favoreceram essa medida. No campo, os preços elevados têm atraído produtores consultados pelo Cepea, que aumentarão a área com a cultura nesta temporada.

No mercado de derivados, quando comparadas as médias da semana passada (de 15 a 19 de junho) e da anterior, todas as farinhas e farelos registram valorização. Colaboradores consultados pelo Cepea indicam, no entanto, redução no ritmo de negócios, principalmente, nos que envolvem farinhas para panificação. 

Os impactos da Covid-19 ainda pressionam o setor das padarias e, possivelmente, o próximo mês deverá ser marcado pelo reajuste dos preços. Quanto aos farelos, a procura permanece alta e os preços, firmes.

Compartilhar

Últimas Notícias