Economia

Couro verde: alta do dólar e oferta limitada impactam na valorização do produto

Crescimento nas cotações desde o início de 2020 é de 87,5%

30/03/2020 - 16:17 | Por Thalya Godoy - SBA | Siga-nos no Google News

Segundo levantamento da Scot Consultoria, no Brasil Central o couro verde está cotado em R$ 0,75/kg, considerando o produto de primeira linha. Frente ao começo ano, ocorreu alta de 87,5%. Em relação ao mesmo período de 2019, o produto sofreu desvalorização de 6,3%.

No Rio Grande do Sul, o couro verde comum está cotado em R$0,80/kg. Mesmo com este cenário, no estado há negócios acima da referência. A valorização do dólar frente ao real e a oferta limitada da matéria-prima colaboraram com a valorização de preço registrada no primeiro trimestre de 2020.

Porém, o surto do coronavírus deve impactar no mercado do couro. Países como Itália e China, grandes compradores do couro brasileiro, sofreram graves consequências atribuídas a doença.

A curto prazo, a atenção está no comportamento das exportações. Mesmo com o dólar alto, caso a demanda caia, devido ao coronavírus, é possível que ocorra ajuste negativo das cotações.

 

Informações por Scot Consultoria

Compartilhar

Últimas Notícias