Agricultura

Demanda diminui e preços do algodão sofrem queda

Indicador do Cepea apontou recuo de 0,88%

18/03/2020 - 15:32 | Por Thalya Godoy - SBA | Siga-nos no Google News

De acordo com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), depois de negociarem com um pouco mais de intensidade na primeira semana de março, agentes do setor de algodão em pluma se afastaram do mercado nos últimos dias, especialmente compradores. Segundo colaboradores da entidade, esses demandantes estão atentos às fortes altas do dólar frente ao real e às oscilações dos contratos na Bolsa de Nova York (ICE Futures).

As efetivações no spot nacional são limitadas pela disparidade entre preço e qualidade. Com este cenário, a menor demanda resultou em queda nos preços, mesmo com parte dos vendedores ainda firme nos valores pedidos, especialmente para a pluma de qualidade superior. Entre 10 e 17 de março, o Indicador do algodão em pluma CEPEA/ESALQ, com pagamento em 8 dias, caiu 0,88%, encerrando a R$ 2,9171/lp na última terça-feira (17). 

 

Informações por Scot Consultoria

Compartilhar

Últimas Notícias