Bosque protege o rebanho do frio intenso

Embrapa emitiu alerta de geada e frio intenso no mês de junho, para regiões de MS

26/02/2020 - 10:33 | Por Kaile Rodrigues - SBA | Siga-nos no Google News

Para evitar a morte dos animais por hipotermia, a Embrapa Gado de Corte, orienta os produtores a acompanharem as previsões de temperatura e sempre fazer a remoção  do gado para um pasto, que tenha abrigos. Uma dica fundamental que evita problemas e prejuízos na fazenda no período de inverno é a construção de bosques, que servem de abrigos para todo o rebanho no período de inverno, claro que o produtor tem que fornece uma alimentação adequada ao rebanho nesta época do ano.  De acordo com o Difusor de Tecnologia da Embrapa Gado de Corte, Haroldo Queiroz, o local protege contra o frio , queda brusca de temperatura e hipotermia.  

É bom lembrar que o Código Florestal, veda o uso de reserva legal e das áreas de proteção permanente ao acesso dos animais. Se por acaso, o produtor tem alguma área sobrando, aí sim , ele pode cercar  e usar como abrigo. Haroldo menciona, que as espécies de árvores que o produtor deve plantar, precisa ter  crescimento rápido, raízes profundas que resistam a ventos fortes. A folhagem  tem que ser perene, entre as espécies as madeireiras nativas e  exóticas,  assim como as  frutíferas são as indicadas. Mais atenção é importante que no bosque não tenha árvores que machuque e intoxiquem os animais.

Para fazer um bosque na propriedade, o produtor terá custos, a final precisa cercar a área, manejar, controlar formigas cortadeiras, entre outras práticas necessárias, porém, mesmo com alguns gastos, de acordo com o Difusor de Tecnologia da Embrapa, o investimento vale a pena, se bem planejado.  A final fenômenos como geada e frio intenso, ocorrem com frequência em várias regiões brasileiras. 
 

Compartilhar

Últimas Notícias