Hortifrúti

Melancia graúda recua 24% na Bahia, diz Cepea

Oferta elevada e demanda restrita pressionam cotações

01/02/2020 - 08:00 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

Os preços da melancia recuaram nesta semana (27 a 31/01), tanto em Teixeira de Freitas (BA) quanto em Encruzilhada do Sul (RS). Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, o maior ritmo de colheita em ambas as praças (período de pico de oferta em Encruzilhada do Sul e início da segunda parte da safra baiana), juntamente com o mercado ainda enfraquecido, tem desvalorizado a fruta. Além disso, as chuvas em excesso em alguns centros consumidores também afetaram a demanda pela fruta. Nesta semana (27 a 31/01), a melancia graúda (>12 kg) teve média de R$ 0,37/kg em Teixeira de Freitas, queda de 23,7% em relação à semana passada.

Em Belo Horizonte (MG) – um dos principais destinos da fruta baiana –, foram registrados 421 mm entre 24 e 29/01, segundo o Inmet. Ademais, as chuvas em Teixeira de Freitas no último final de semana também atrasaram alguns carregamentos, além de reduzir um pouco o sabor adocicado da fruta. Para as próximas semanas, a oferta deve seguir em elevação – com a entrada da fruta de Bagé (RS) e maior ritmo de colheita na Bahia – o que pode continuar impactando negativamente nos preços.

Com informações HF / Cepea

Compartilhar

Últimas Notícias