Suinocultura

Poder de compra do suinocultor tem alta há quatro meses consecutivos

Suínos registram maior demanda neste mês devido exportações em alta e incremente na procura doméstica

19/12/2019 - 15:51 | Por Pâmela Machado* - SBA | Siga-nos no Google News

Informações do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) apontam que tanto os preços dos principais insumos para ração, milho e farelo de soja, quanto os do suíno estão em alta desde setembro. Entretanto, as cotações do animal estão subindo de maneira intensa, resultando na alta de quatro meses de aumentos consecutivos do poder de compra dos produtores. 

Neste mês, o suíno segue registrando a maior demanda, com exportações em alta aliadas ao incremento na procura doméstica. O mercado interno em alta se deve principalmente as festas de fim de ano, mantendo os valores do animal em alta.

No mercado do milho, a oferta restrita e a maior demanda elevam os preços do cereal. No cenário do farelo de soja, a demanda interna está aquecida, principalmente por parte da suinocultura e avicultura. 

Com informações do Cepea

*Texto com supervisão de Douglas Ferreira 

Compartilhar

Últimas Notícias