Internacional

Principal negociador comercial dos EUA elogia acordo com China

China também se comprometeu no acordo a proteger melhor propriedade intelectual dos EUA

16/12/2019 - 16:04 | Por Douglas Ferreira - SBA | Siga-nos no Google News

De acordo com informações da Reuters, o principal negociador comercial do presidente dos Estados Unidos, durante entrevista no último domingo ao programa “Face the Nation” da CBS, elogiou a “fase um” do acordo comercial com a China, que deve quase dobrar as exportações norte-americanas para a China nos próximos dois anos, enquanto o país asiático continua cauteloso antes da assinatura do pacto.

O acordo, anunciado na sexta-feira (13) depois de mais de dois anos e meio de negociações entre Washington e Pequim, reduzirá algumas tarifas dos EUA sobre produtos chineses em troca do aumento das compras pela China de produtos agrícolas, manufaturados e de energia dos EUA, no valor de 200 bilhões de dólares, pelos próximos dois anos.

A China também se comprometeu no acordo a proteger melhor a propriedade intelectual dos EUA, a coibir a transferência forçada de tecnologia norte-americana para empresas chinesas, a abrir seu mercado de serviços financeiros a empresas dos EUA e a evitar a manipulação de sua moeda.

Está sendo determinada uma data para as principais autoridades norte-americanas e chinesas assinarem formalmente o acordo, disse Lighthizer. As compras chinesas de produtos agrícolas devem aumentar para 40 bilhões a 50 bilhões de dólares anualmente nos próximos dois anos, disse Lighthizer.

O acordo suspendeu uma rodada de tarifas dos EUA sobre uma lista de 160 bilhões de dólares em importações chinesas, que estava programada para entrar em vigor no domingo. Os Estados Unidos também concordaram em reduzir pela metade, para 7,5%, as tarifas sobre uma lista de 120 bilhões de dólares em produtos chineses.

Com informações / Foto: Reuters

Compartilhar

Últimas Notícias