Agricultura

De olho na indústria: maior ação de vendas de sementes forrageiras do Brasil segue até sexta-feira

Todos os produtos com descontos e vantagens no pagamento para atender melhor o produtor

26/11/2019 - 13:55 | Por Thalya Godoy* - SBA

Continua até a próxima sexta-feira (29), em horários variados durante a programação do Canal do Boi, a maior ação de vendas de sementes forrageiras do Brasil, o “De olho na indústria”, uma semana de bons negócios em que o produtor terá a possibilidade de comprar sementes a preço fixo, sem variações, em até 8x e sem entrada, com o primeiro pagamento para 30 dias.

De olho na indústria é promovido pela Germipasto – Sementes de pastagem e é uma oportunidade para alavancar o negócio com a compra dos produtos ofertados. Todos os produtos da Germipasto estão com desconto e habilitadas para as vantagens na forma de pagamento, como explica o gerente de vendas da empresa, Daniel Di Raimo. “Todos os produtos estão ofertados na condição e os destaques são a semente Select, semente Grafitada e a Verdetec. As facilidades estão no pagamento mais longo, em oito vezes, com o primeiro pagamento para trinta dias, o que não é normal. O comum vai até seis vezes. Então, tem dois meses a mais para o produtor”, ele explica.

De acordo com Daniel, a qualidade das sementes da Germipasto está desde o campo, em uma área de plantação própria da empresa para o acompanhamento do produto. “A Germipasto tem todo o controle de produção, as áreas são plantadas exclusivamente para produção de semente. Toda colheita é assistida, com profissionais da área. Elas vão para a unidade de beneficiamento de sementes, onde são processadas, beneficiadas e empacotadas com total controle por parte dos técnicos do laboratório próprio da empresa e isso gera um produto de melhor qualidade. Fato é com o resultado melhor. Nós conseguimos entregar um pasto com melhor formação e entrada antecipada dos animais. São vários benefícios que o produtor tem ao trabalhar com as nossas sementes”, afirma.

Entre em contato pelo 0800 647 0050 ou (67) 2107-8810.

*Texto supervisionado por Douglas Ferreira
 

Compartilhar

Últimas Notícias