Mercado

Cotação do tomate tem alta

Análise do HF Brasil foi divulgada na última sexta-feira (4)

07/10/2019 - 09:13 | Por Rafaela Flôr* - SBA

Segundo o HF Brasil, vinculado ao Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), o preço do tomate salada longa vida registrou alta significativa neste início de outubro, depois de dois meses a preços baixos e desvalorizados. O registro da primeira semana do mês indica que o 2A e o 3A foram comercializados a R$24,76/cx de 18-20kg (+62,22%) no último dia de setembro e a R$47,41/cx na primeira sexta-feira de outubro, sendo alta de +50,59%, na Ceagesp.

A alta deve-se à oferta da primeira parte produzida na safra de inverno que maturaram mais cedo devido ao forte calor das últimas semanas, além da produção impulsionada do rasteiro, o que significa menos tomate salada colhido. Mesmo com a previsão de altas temperaturas nesta semana, o volume colhido deve ser mais baixo justamente por causa da colheita antecipada. Caso chova, há possibilidade de comprometer a qualidade dos frutos.

A maior oferta de produtos ponteiros de locais como São José de Ubá (RJ) influenciou na baixa do preço nas semanas anteriores, além de frutos rachados e manchados. Por isso, os valores do tomate 3A apresentaram grande amplitude, de R$30 a R$90/cx. 

Com informações de HF Brasil.
*Texto supervisionado por Douglas Ferreira.

Compartilhar

Últimas Notícias