Pecuária

Mercado boi gordo se mantém em alta devido a oferta restrita

Em Goiás o preço da arroba teve aumento de 0,3% frente ao fechamento de ontem

02/10/2019 - 15:21 | Por Pâmela Machado* - SBA

Segundo a Scot Consultoria, o principal fator que tem influenciado no sentido dos preços é a oferta restrita de animais terminados. No estado de Goiás, destaque entre confinadores do país, há negócios sendo realizados acima da referência, principalmente na região Sul do estado. Nessa região, a arroba do boi gordo está cotada em R$144,50, à vista e livre de Funrural. O valor teve alta de 0,3% frente ao fechamento de ontem.

Altas também foram registradas em Campo Sudeste de Mato Grosso, Paragominas (PA), no Espírito Santo e no Rio de Janeiro. Em Paragominas (PA) a escala de abate gira em torno de três dias, o que fez frigoríficos ofertarem preços maiores hoje. Na região, a cotação está em R$148,00/@, à vista, livre de Funrural. No Espírito Santo e Rio de Janeiro, considerando o preço à vista, a valorização do boi gordo foi de 1,4% e 1,0%. 

Em São Paulo, as programações de abate tiveram um pequeno avanço com relação a semana anterior, apontando que as compras fluíram melhor nos últimos dias. As escalas no estado atendem, em média, sete dias.

Com informações de Scot Consultoria

*Texto com supervisão de Douglas Ferreira

Compartilhar

Últimas Notícias