Agricultura

Preços do tahiti seguem em alta

Cenário é resultado da baixa oferta da fruta

13/09/2019 - 13:28 | Por Thalya Godoy - SBA

Segundo informações do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA), as cotações da lima ácida tahiti continuam em alta em São Paulo. Isso de deve a baixa oferta, resultado das frutas nas árvores estarem fora do estado de maturação e de tamanho ideal para a colheita. A média parcial do produto teve alta de 24,7% em relação à semana passada, custando R$ 52,36/cx de 27 kg, colhida.

O volume de exportações segue em bom ritmo, com recordes em 2019, beneficiado, sobretudo, pela maior oferta nacional durante abril e maio. Entre janeiro e agosto deste ano, o total dos embarques de limões e limas foram de 83,1 mil toneladas, o que representa alta de 9,3%  em relação ao mesmo período de 2018, de acordo com a Secretaria de Comércio Exterior (Secex).

O total de receita foi de US$ 67,9 milhões, valor 2,8% menor no mesmo comparativo. Com a baixa oferta nacional durante este e o próximo mês, agentes do Cepea receiam que os embarques de tahiti sejam limitados pela possibilidade de aumento dos preços, o que diminui a competitividade da fruta no cenário externo. 

Fonte: Cepea

*Texto supervisionado por Douglas Ferreira

Compartilhar

Últimas Notícias