Internacional

Queda no teor de proteína afeta negócios com oleaginosa brasileira

Essa é a primeira vez que o teor de proteína na soja brasileira caiu em quatro safras

22/07/2019 - 18:47 | Por Adriano Falleiros - SBA

A queda no teor de proteína da soja brasileira, identificado na safra de 2018, já causa problemas para exportadores da oleaginosa. O teor de proteína na safra de soja do Brasil de 2018 caiu para uma média de 36,83%, ante 37,14% no ciclo anterior, de acordo com resultados preliminares apurados pela Embrapa, segundo o pesquisador Marcelo de Oliveira.

Em comunicado, a Embrapa afirmou que as variações anuais do teor de proteína da soja não são estatisticamente significativas e indicam uma estabilidade nas porcentagens deste componente do grão.

Cesar Borges, membro do conselho da Caramuru Alimentos, disse em entrevista à uma agência internacional de notícias que a empresa recusou a exigência de um potencial importador chinês, na semana passada, por não ter condições de garantir níveis mínimos de proteína na soja em grão. A China compra aproximadamente 80% da soja em grão do Brasil.

Essa é a primeira vez que o teor de proteína na soja brasileira caiu em quatro safras, de acordo com dados preliminares do governo. Esse declínio causa problemas para exportadores, que enfrentam a possibilidade de cancelamentos, venda de grãos com desconto ou contratos mais rigorosos, que exigem garantias de qualidade para compradores que querem assegurar um produto rico em nutrientes.

Os dados serão ajustados até setembro, quando o relatório final da pesquisa de qualidade será publicado.

A China, que importa a soja para transformá-la em ração animal, compra cada vez mais o produto do Brasil, especialmente após a imposição de tarifas retaliatórias ao grão norte-americano em resposta à taxação de produtos chineses por Washington.

Se os números da Embrapa se confirmarem, o teor de proteína de soja do Brasil ainda terá sido mais alto do que nos Estados Unidos no ano passado, onde a média estava 34,2%, de acordo com dados qualitativos compilados pela indústria.

Com informações da Reuters

Compartilhar

Últimas Notícias