Governo do RS detecta gafanhotos nativos

Segundo agentes animais não são migratórios da Argentina

20/12/2021 às 17:59 atualizado por Redação - SBA | Siga-nos no Google News
:

Os agentes da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR) do Rio Grande do Sul realizaram na sexta-feira (17), a fiscalização e o monitoramento de gafanhotos nativos em áreas agrícolas.

A vistoria dos fiscais estaduais agropecuários e engenheiros agrônomos, ocorreu após denúncias no município de Ajuricaba. Os gafanhotos, das espécies Zoniopoda iheringi e Chromacris speciosa, são nativos do estado e não se tratam de gafanhotos migratórios presentes na Argentina.

Além de Ajuricaba, foram feitas 19 vistorias nos municípios de Coronel Bicaco, Nova Ramada, Santo Augusto e São Valério do Sul neste ano de 2021.

Segundo a chefe da Divisão de Defesa Sanitária Vegetal, Rita Grasselli, os insetos instalados nas culturas de grãos, como milho e soja, não apresentam danos significativos às lavouras.

Serviço

A SEAPDR, recomenda aos agricultores que fiquem em alerta com relação a novos focos, ou alta infestação relacionada a danos verificados nos campos. 

O produtor pode entrar em contato com a Inspetoria de Defesa Agropecuária do seu município ou com a Emater. E também por meio do email: vigifito@agricultura.rs.gov.br.

Com informações da SEAPDR.

Foto André Ebone/Divulgação SEAPDR.


Últimas Notícias