Economia

Bolsonaro afirma que determinará redução da bandeira tarifária na luz

Presidente não deu detalhes sobre qual seria a redução

15/10/2021 - 14:00 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que determinará ao Ministério de Minas e Energia (MME) que altere a bandeira tarifária de energia elétrica para rebaixá-la a um valor menor a partir do mês que vem. 

O anúncio foi feito na última quinta-feira (14), durante um evento religioso, sem entrar em detalhes sobre qual seria a redução pretendida. 

O país enfrenta a maior crise hídrica em 91 anos, o que tem afetado os reservatórios das usinas hidrelétricas. Neste cenário, o custo de energia aumenta porque é preciso acionar as usinas termoelétricas, que são mais caras. 

Em agosto, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou a criação de uma nova bandeira tarifária na conta de luz, chamada de bandeira de escassez hídrica. A taxa extra passou a ser de R$ 14,20 para cada 100 kilowatt-hora (KWh) consumidos e entrou em vigor a partir do dia 1º setembro, permanecendo vigente até abril do ano que vem.

 

 

Informações por Agência Brasil

Foto de capa: Pixabay

Compartilhar

Últimas Notícias