Economia

Caged aponta criação de 372.2 mil postos de trabalho formal em agosto

Saldo é resultado de 1.810.434 admissões e 1.438.169 desligamentos no mês

29/09/2021 - 12:59 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged), divulgado hoje (29), pelo Ministério do Trabalho, o país registrou em agosto 372.265 novos trabalhadores contratados com carteira assinada. O saldo é o resultado de 1.810.434 admissões e 1.438.169 desligamentos. 

O salário médio de admissão caiu 1,42% na comparação com o mês anterior, ficando em R$ 1.792,07.

No acumulado no ano, o saldo passou a somar 2.203.987 postos ocupados, decorrente de 13.082.860 de admissões e de 10.878.873 demissões. 

O estoque nacional, que é a quantidade total de vínculos celetistas ativos, em agosto de 2021, contabilizou 41.566.955, o que representa uma variação de 0,9% em relação ao estoque do mês anterior.

A agropecuária (agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura) foi o grupamento de atividade econômica que menos gerou novos postos de trabalho em agosto, com 9.232 empregos. O setor de serviços liderou o ranking no mês, com 180.660 postos.

 

 

Informações por Agência Brasil

Compartilhar

Últimas Notícias