Pecuária

Boi gordo registra queda de R$ 5 em São Paulo, diz Scot Consultoria

Animal ficou cotado em R$ 297 na praça paulista 

28/09/2021 - 15:55 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

Segundo a Scot Consultoria, não há sinal de retomada das compras de carne bovina pela China. Desta forma, a oferta de rebanhos está elevadas nos estados confinadores. 

Os frigoríficos do estado de São Paulo iniciaram as aquisições, retraindo a cotação em R$ 5 para o boi gordo e R$ 4 para a vaca e novilha gordas, na arroba, na comparação diária. 

O boi, vaca, novilha gordo estão sendo comercializados, respectivamente a R$ 297, R$ 277 e R$ 295, a arroba, preços brutos e a prazo. 

Mato Grosso

No sudoeste do estado, a cotação do boi gordo registrou queda de 0,7% na comparação diária, ou R$ 2 na arroba. A cotação ficou em R$ 285, considerando o preço bruto e a prazo, R$ 284,50, com desconto do Senar, e R$ 280,50 com desconto do Funrural e Senar, a arroba.

Goiás

Na região sul, parte dos frigoríficos estão fora das compras, na expectativa de uma posição do mercado pecuário. 

O boi boi, vaca e novilha gordos são negociados, respectivamente, em R$ 287, R$ 275 e R$ 278, a arroba, preços brutos e a prazo.

Com informações Scot Consultoria. 

Compartilhar

Últimas Notícias