Pecuária

Arroba do boi gordo cai novamente e chega a R$ 307

Em São Paulo, os frigoríficos abriram as compras pressionando o mercado

14/09/2021 - 16:02 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

De acordo com informações da Scot Consultoria, os frigoríficos paulistas abriram as compras pressionando o mercado. A cotação de referência para o boi gordo recuou R$ 1,00/@. Para a vaca e novilha gordas as quedas foram de R$ 2,00/@, na comparação diária. Contudo, poucos negócios foram concretizados.

O boi, vaca e novilha gordos estão sendo negociados em R$ 307,00/@, R$ 290,00/@ e R$ 305,00/@, respectivamente, preços brutos e a prazo. 

Tocantins
No Sul do Tocantins, a cotação do boi gordo caiu 0,7% na comparação dia a dia, ou R$ 2,00/@, e ficou cotada em R$ 292,00/@, considerando o preço bruto e a prazo, R$ 291,50/@, com desconto do Senar, e R$ 287,50/@ com desconto do Funrural e Senar.

Bahia
No oeste da Bahia, as cotações estão estáveis na região na comparação feita dia a dia. 

O boi, vaca e novilha gordos estão sendo negociados em R$ 297,00/@, R$ 285,00/@ e R$ 291,00/@, respectivamente, preços brutos e a prazo.

Exportação
Até a segunda semana de setembro foram embarcadas 86,88 mil toneladas de carne bovina in natura. O preço médio da tonelada foi de US$ 5,78 mil, crescimento de 41,3% na comparação anual, resultando em um faturamento que já chega a US$ 502,96 milhões (Secex).

De acordo com a Scot Consultoria, é um quadro que deve ser acompanhado, já que as exportações para a China seguem suspensas.

 

Informações por Scot Consultoria
Foto de capa: Tony Oliveira/ Sistema CNA/ Senar

Compartilhar

Últimas Notícias