Assista agora:
Economia

Pirarucu de Mamiraua, no Amazonas, conquista Indicação Geográfica

Região produtora amazonense contempla nove municípios

22/07/2021 - 12:18 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News
Pirarucu de Mamiraua conquista Indicação Geográfica
Foto por Divulgação Idam

O Amazonas recebeu um novo registro de Indicação Geográfica (IG) para o Pirarucu de Mamiraua, concedido pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI). A região produtora contempla nove municípios e foi reconhecida por produzir o pirarucu por meio de um saber-fazer dos ribeirinhos que, somado às características especiais do ambiente, resulta em um produto diferenciado. 

“A IG do Pirarucu é um marco histórico que a gente alcançou. O nosso produto é sustentável e preserva o meio ambiente. Esse selo irá nos ajudar na comercialização do peixe e na conquista de melhores preços”, comemorou Pedro Canizo, presidente da Federação dos Manejadores de Pirarucu da Região de Mamirauá (Femapam),

Os primeiros estudos do projeto foram realizados em conjunto com o Sebrae e o Instituto Mamiraua e contou com a adesão dos manejadores e demais instituições. O Sebrae também realizou diversas oficinas sobre a Indicação Geográfica do Pirarucu de Tefé e região e trabalhou junto à população ribeirinha questões como a importância do valor agregado da despesca com respeito às normas do Ibama entre os pescadores.

Segundo o analista técnico e coordenador do escritório do Sebrae em Tefé (AM), José Antonio, essa vitória é mérito dos ribeirinhos que desenvolveram um método único de contagem e despesca sustentável do peixe, revertendo o risco de sua extinção. 

Ele destaca também que, com a IG do Pirarucu, a tendência é que melhore a qualidade de vida dos pescadores que vivem em centenas de comunidades localizadas em lagos na região.
 

Informações por Sebrae/ Foto de capa por Divulgação Idam

Compartilhar

Últimas Notícias

3° Leilão Virtual Produção PO da Guanandi