Economia

Bolsonaro inaugura radar para monitorar tráfego aéreo na região de fronteira, em Ponta Porã

Presidente comandou a primeira interceptação utilizando a estação de monitoramento

30/06/2021 - 14:37 | Por Douglas Ferreira e Thalya Godoy - SBA | Siga-nos no Google News
Bolsonaro visita Ponta Porã (MS)
Foto: Foto: Isac Nóbrega/PR

O Governo Federal inaugurou hoje (30) um radar para monitoramento do tráfego aéreo na região de fronteira, na cidade de Ponta Porã em Mato Grosso do Sul. A cerimônia contou com a presença do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Além do presidente, participaram o governador do estado, Reinaldo Azambuja; a ministra da Agricultura, Tereza Cristina; ministro da Defesa, Walter Braga Netto; comandante da Aeronáutica, tenente-brigadeiro Carlos de Almeida Baptista Junior; diretor-geral do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA), tenente João Tadeu Fiorentini; Deputado Federal pelo MS, Dr Luiz Ovando e outras autoridades.

A inauguração integra um programa de “modernização e ampliação da rede de radares” instalada no sítio da Força Aérea Brasileira (FAB). Esta foi a terceira estação de radar da FAB a ser ativada em MS e tem como objetivo reforçar as ações de fiscalização do espaço aéreo na fronteira do Brasil com o Paraguai e a Bolívia.

“A implementação de radar aqui em Ponta Porã, somada aos radares de Corumbá e Porto Murtinho finaliza com sucesso o empreendimento de aquisição de radares para cumprir toda nossa fronteira e a fronteira de Mato Grosso do Sul”, disse o Comandante da Aeronáutica, Carlos Baptista Junior. 

Bolsonaro acompanhado de Braga Neto, do comandante da aeronáutica e o diretor-geral do DECEA realizaram a ativação da estação Radar de Ponta Porã, através de uma simulação ao público.

O presidente da República comandou a primeira interceptação utilizando a estação de monitoramento e fez contato via rádio com uma aeronave de caça da Força Área Brasileira (FAB), que patrulhavam a região.

“Caçador, parabéns por ser a primeira aeronave de defesa área, controlada através do novo radar de Ponta Porã. Nesse momento, temos a certeza de a fronteira do espaço aéreo brasileiro se torna mais segura, com a vigilância constante da nossa Força Aérea [FAB]”, disse o presidente.

O sistema é composto de radares e cada sistema aumenta a capacidade de vigilância aérea na Zona de Identificação de Defesa Aérea (Zida), por meio da detecção de aeronaves cooperativas e não-cooperativas, podendo alcançar um raio de 450 quilômetros, a 30 mil pés, o que corresponde a quase duas vezes a área do Estado do Mato Grosso do Sul.

“Hoje estamos aqui inaugurando mais uma ação do Governo Federal. Isso nos proporcionará paz e tranquilidade. Nos proporcionará um combate também além ilícitos, um dos maiores no meu entender, o tráfico de drogas e armas. Isso trará paz para o Centro do nosso Brasil. É uma missão da nossa Força Aérea [FAB]. Senti realmente muito ao conduzir essa operação de um ilustre sargento controlador de voo”.

Visita em MS

Esta será a terceira vez que Bolsonaro vem ao Estado em pouco menos de um ano. A primeira ocorreu em agosto do ano passado, em Corumbá, na inauguração da Estação Radar, também para monitoramento de fronteira. No dia 14 de maio deste ano, o presidente participou da entrega de títulos da Reforma Agrária para pequenos produtores do Assentamento Santa Mônica, em Terenos.

“É uma satisfação muito grande voltar a essa estado, por onde servi por três anos, a nossa equipe [Exército] Nioaque (MS). Saudades do tereré, da guaivira, do churrasco com mandioca e do nosso Pantanal. Temos um governo que acredita em Deus, acredita em seus militares e deve lealdade a seu povo. É uma satisfação muito grande rodar por todo essa país e ver em uma imensidão de cores, verde e amarelo um renascimento do patriotismo no Brasil”, disse o presidente.

Veja o lançamento:

Compartilhar

Últimas Notícias