Pecuária

Indústria frigorífica com dificuldade em negociar grandes volumes; arroba cotada a R$317

Segundo Scot Consultoria arroba do boi gordo registrou aumento em São Paulo

15/06/2021 - 15:42 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

As indústrias frigoríficas seguem com dificuldade em negociar grandes volumes de animais terminados, refletindo em aumento de R$ 1 na arroba para o boi e novilha gordos, na comparação feita dia a dia em São Paulo. Segundo o boletim da Scot Consultoria, o boi, vaca e a novilha gordos são negociados, respectivamente, em R$ 317, R$ 294, e R$ 310, a arroba, preços brutos e a prazo.

Mato Grosso do Sul

Em Dourados (MS), a cotação registrou aumento de R$ 2 a arroba, para o boi e para a novilha. O boi, a vaca e novilha gordos estão apregoados em R$ 314, R$297 e R$ 312 a arroba, preços brutos e a prazo.

Paraná

No Noroeste do estado a falta de oferta de boiadas repercutiu em cotações maiores frente a segunda (14). O aumento foi de R$ na arroba para todas as categorias de abate. O boi a vaca e novilha gordos estão sendo negociados por R$ 314, R$ 297 e R$ 305, a arroba, preços brutos e a prazo.

 

Com informações Scot Consultoria / Foto de capa: Wenderson Araujo

Compartilhar

Últimas Notícias