Economia

Serviços registraram alta de 0,7% em abril no Brasil

Resultado fez com que o setor recuperasse parte das perdas de março

11/06/2021 - 14:19 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

O volume de serviços no Brasil registrou alta de 0,7% em abril deste ano, se comparado ao mês anterior. O resultado fez com que o setor recuperasse parte das perdas de março, estimadas em -3,1%. Os dados da Pesquisa Mensal de Serviços foram divulgados, hoje (11), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Segundo apontado pela pesquisa, em abril o setor cresceu 19,8%, em relação ao mesmo período do ano anterior e 3,7% no acumulado do ano. No entanto, se somado o período de 12 meses, os serviços apresentaram decréscimo de 5,4%. O setor ainda se encontra 1,5% abaixo do patamar de fevereiro de 2020, ou seja, do período anterior à pandemia de Covid-19.

A receita nominal teve variação de 0,1% se comparada com março e alta de 22,4% em relação a abril de 2020, acréscimo de 4,7% no acumulado do ano. Somados 12 meses, a receita apresenta queda de 4,9%.

Na transição de março para abril, o crescimento foi impulsionado por duas das cinco atividades pesquisadas pelo IBGE: informação e comunicação, com 2,5%, e serviços prestados às famílias, com 9,3%. 

“O resultado dos serviços prestados às famílias deve ser relativizado, já que em março eles caíram 28%, no momento em que decretos estaduais e municipais restringiram o funcionamento de algumas atividades para controle da disseminação do vírus. Isso fez o consumo reduzir significativamente naquele mês. Então, em abril, houve um crescimento maior por conta da base de comparação muito baixa”, afirma o gerente da pesquisa, Rodrigo Lobo.

O setor de transportes, serviços auxiliares de transporte e correio mantiveram-se estáveis, enquanto os outros dois segmentos apresentaram baixa: profissionais, administrativos e complementares, com - 0,6% e outros serviços, com -0,9%.


Com informações da Agência Brasil

Compartilhar

Últimas Notícias