Pecuária

Termina no final de maio a 1ª fase da campanha de vacinação contra febre aftosa

Além de realizar a vacinação, o produtor deve declará-la ao órgão de defesa sanitária animal de seu estado

24/05/2021 - 16:59 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

Termina em 31 de maio a primeira fase de vacinação contra a febre aftosa para a maioria dos estados brasileiros. A campanha, que teve início em 1º de maio, vacinou nesta etapa bovinos e bubalinos de todas as idades, com meta de atingir 170 milhões de animais. Dos 22 estados participantes da campanha, 17 devem finalizar a vacinação neste mês.

Além de realizar a vacinação, o produtor deve declará-la ao órgão de defesa sanitária animal de seu estado. A declaração pode ser realizada online, ou presencialmente nos postos designados pelo serviço veternário no prazo estipulado.

Ao final de cada etapa, os dados fornecidos pelos produtores rurais são compilados e avaliados pelos serviços veterinários de cada Estado que realiza a vacinação compulsoria contra a doença, após isso serão encaminhados ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Este ano, a Secretaria de Defesa Agropecuária do Mapa, em parceria com a Escola Nacional de Gestão Agropecuária (Enagro), disponibilizou o curso EAD “Febre aftosa: Vigilância e procedimentos na investigação de doença vesicular”, com intúito de capacitar os proficionais que trabalham com defesa sanitária animal. As inscrições começaram na última quinta-feira (20) e vão até o dia 28.

“O treinamento constitui-se de um conjunto de instruções para serem implementadas desde o primeiro aviso (notificação) da suspeita até a conclusão de sua investigação. Inclui as fases de investigação e de alerta, devendo ser de conhecimento e domínio de todos que atuam no serviço veterinário oficial”, destaca a auditora fiscal federal agropecuária, Ana Carla Vidor.

 

Com informações Mapa

Compartilhar

Últimas Notícias