Exportações

Brasil recebe autorização para exportação de ovos para Argentina e Chile

Exportações brasileiras de ovos tem registrado bom desempenho em 2021, diz ABPA

13/04/2021 - 12:19 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) comemorou, por meio de nota, a publicação dos Certificados Sanitários Internacionais (CSI’s) para a exportação de ovos in natura para a Argentina e o Chile na última quinta-feira (08), pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Para a Argentina, o documento é válido para todos os estados. Para o Chile, a autorização estende-se aos estabelecimentos localizados no Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e São Paulo.

Exportações brasileiras
As exportações brasileiras de ovos registraram bons resultados em 2021. No primeiro bimestre, o setor acumulou alta superior a 150%, índice que deve se manter com os resultados de março, conforme dados preliminares calculados pela ABPA.

Com a abertura da Argentina e do Chile – mercados geograficamente mais próximos que o atual principal destino do setor, os Emirados Árabes Unidos – há boas expectativas quanto ao incremento maior das vendas do setor.

“A proximidade dos mercados são facilitadores para as vendas do setor. O Brasil se consolidou como grande produtor e agora busca novas fronteiras para as vendas de ovos produzidos no país. Com estes dois mercados viabilizados ontem, há boas expectativas de expansão dos negócios”, avalia o presidente da ABPA, Ricardo Santin.

 

Informações por ABPA/ Foto de capa por Pixabay
 

Compartilhar

Últimas Notícias

1° Leilão Fazenda Jardim do Sul & Convidados