Especialista em direito agrário vê ‘período de paz’ em conflitos com indígenas

Luana Ruiz aponta resultado como fim de interferências na negociação de invasões

15/01/2021 - 12:32 | Por Valdecir Cremon - SBA | Siga-nos no Google News

“Vivemos um período de paz”, disse a advogada Luana Ruiz, especialista em direito agrário, sobre conflitos por posse de terra em Mato Grosso do Sul, durante entrevista ao Canal do Boi nesta sexta-feira (15). Na avaliação dela, há pelo menos dois anos as negociações para evitar invasões de terra no Estado por indígenas estão dando resultado. Motivo: o fim de intervenções de ONGs, igrejas, antropólogos e o Conselho Indígena Missionário nos conflitos.

Luana Ruiz diz que o “diálogo com os indígenas” é um dos elementos mais importantes para o resultado obtido após 2018. “Os que promoviam ações maléficas foram retirados do meio do caminho. É Funai e os indígenas. As comunidades indígenas, agora, devem e poder falar por si. Eu entendo que esse diálogo direto com a Funai é o principal ingrediente que o atual governo traz”, disse.

Na opinião dela, a demarcação de terras não é a solução para “as mazelas das comunidades indígenas” porque a falta de conhecimento das dificuldades. “Os produtores rurais e os indígenas precisam ‘abrir o leque’ de observação de atuação do governo para entender o quanto que certas atitudes e condutas contribuem para independência, da autossuficiência e a subsistência dos indígenas, que os aproximam da dignidade humana e contribuem para a paz social”. 

Em resumo, Luana Ruiz cita que “as comunidades são vítimas de políticas indigenistas irresponsáveis, de governos anteriores”.
“Uma alteração de entendimento já está acontecendo. Entre 2013 e 2016 tivemos conflitos de invasões em Caarapó, Buriti, Antônio João, Aquidauana. Foram conflitos gravíssimos. E se nós formos agora de trás pra frente de 2021 a 2018, a gravidade e incidência dos conflitos vem diminuindo. Nós estamos experimentando um início de paz social”. 

Veja a entrevista de Luana Ruiz ao jornalista Vinícius Souza.

Foto de capa: Reprodução/Canal do Boi
 

Compartilhar

Últimas Notícias

Sêmen Touros Genética BR