Assista agora:
Mercado

Cotações no mercado de milho registram queda

Menor demanda tem pressionado os preços

14/09/2020 - 12:22 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

O menor interesse de compradores, que indicam ter estoques para o curto prazo, tem pressionado os valores do milho na maior parte das regiões acompanhadas pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea). 

Na praça de Campinas (SP), base do Indicador ESALQ/BM&FBovespa, a saca de 60 kg do milho registrou queda de 0,12% entre 4 e 11 de setembro, fechando a R$ 58,99 na sexta-feira (11) – no acumulado de setembro (até o dia 11), a baixa é de 3,69%. 

Porém, especificamente no final da semana passada, os valores subiram, devido à retração dos produtores, que estiveram resistentes nas negociações envolvendo grandes lotes. No campo, produtores brasileiros voltam a ficar atentos ao clima, tendo em vista que o tempo seco pode dificultar o semeio da soja em outubro e, consequentemente, atrasar o plantio do milho de segunda safra de 2020/21. 

No Sul, a falta de chuvas já preocupa agentes quanto ao desenvolvimento da temporada de verão. 

 

Informações por Cepea

Compartilhar

Últimas Notícias