Mercado

Cotação no mercado de açúcar atinge maior patamar dos últimos três anos

Alta na comparação semanal foi de 2,2%, diz Cepea

25/08/2020 - 11:11 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

Segundo dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), ainda que a liquidez tenha sido mais baixa na última semana, os preços do açúcar cristal praticados no mercado spot do estado de São Paulo seguiram em alta. Na quinta-feira (20), o Indicador CEPEA/ESALQ, cor Icumsa de 130 a 180, mercado paulista, atingiu a casa dos R$ 82 por saca de 50 kg, o maior patamar nominal em três anos e seis meses – a última vez que o Indicador operou nesse valor foi em fevereiro de 2017. 

Os volumes captados no spot foram mais baixos na semana passada, em partes, devido à ausência de compradores, que se mostraram abastecidos com as aquisições recentes e também com o recebimento dos contratos. Mesmo assim, as usinas paulistas consultadas pelo Cepea aumentaram os preços e continuaram restringindo a oferta do cristal no mercado doméstico, em especial do tipo de melhor qualidade (o Icumsa 150), por conta da competitividade com as exportações. 

De 17 a 21 agosto, a média do Indicador CEPEA/ESALQ, cor Icumsa de 130 a 180, mercado paulista, foi de R$ 81,88/saca de 50 kg, alta de 2,2% em relação à do período anterior (de R$ 80,11/saca de 50 kg, entre 10 e 14 de agosto).

 

Informações por Cepea

Compartilhar

Últimas Notícias