Agricultura

Governo Argentino faz alerta para gafanhoto prejudicial a agropecuária

Espécie “tucura quebrachera” se alimenta de plantações, pastagens e flora nativa

21/08/2020 - 13:22 | Por Douglas Ferreira - SBA | Siga-nos no Google News
Foto: Senasa

O Serviço Nacional de Saúde e Qualidade Agroalimentar (Senasa) realizou alerta fitossanitário para a praga Tropidacris collaris Stoll, conhecida como “tucura quebrachera” na Argentina. A medida vale até 31 de março de 2021 e está prevista na Resolução 568/2020, que foi publicada esta semana, no Diário Oficial da União do país, com a assinatura do presidente da entidade, Carlos Paz, e visa implementar medidas abrangentes de manejo coordenado, para reduzir o impacto da praga.

Foram apontados avanços territoriais da peste nas províncias de Santa Fé, Entre Ríos, San Luis e na cidade de Pergamino, Buenos Aires, por meio das ações de monitoramento do Programa Nacional Senasa,

Aumento populacional nas províncias de Córdoba, Santiago del Estero, Santa Fé, Catamarca, Chaco e Salta, causando danos às lavouras de soja, milho, algodão e sorgo, bem como florestas nativas e pastagens.

O regulamento também estabelece a obrigação de comunicar imediatamente a presença da praga ao Senasa. Isto se aplica a qualquer pessoa responsável ou encarregada, como por exemplo produtores.

São insetos polífagos, se alimenta de quase todo tipo de plantas, includindo plantações, pastagens e flora nativa. Podem afetar diretamente a atividade agropecuária e indiretamente a atividade pecuária, pois afetam a disponibilidade de recursos forrageiros.

Compartilhar

Últimas Notícias