Agricultura

USDA eleva patamar de produção de soja e milho para a safra 2020/2021

Colheita nos Estados Unidos tem início em outubro e a maior produção no ciclo atual poderá pressionar as cotações para baixo no mercado internacional

14/08/2020 - 10:05 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou na última quarta-feira (12) o relatório de oferta e demanda mundial.
 
Com relação à safra norte-americana, a produção de milho foi revisada para cima. Estão previstas 388,08 milhões de toneladas na temporada atual (2020/21), em fase de desenvolvimento. 

O volume é 1,9% maior que o previsto (381,02 milhões de toneladas) e 12,2% acima das 345,89 milhões de toneladas colhidas em 2019/20. 

Apesar do clima mais favorável neste ciclo, comparativamente com a safra passada, destacamos as tempestades registradas em importantes regiões produtoras nos Estados Unidos no último dia 11, com prejuízos às lavouras, principalmente nos estados de Iowa e Illinois. 

Com isso, o volume previsto para esta temporada poderá ser revisado para baixo. 

No caso da soja, a produção norte-americana foi estimada em 120,42 milhões de toneladas em 2020/21, frente 112,54 milhões previstas para este ciclo. 

O volume é 24,2% maior que as 96,68 milhões de toneladas colhidas na safra passada (2019/20). 

A colheita nos Estados Unidos tem início em outubro e a maior produção no ciclo atual poderá pressionar as cotações para baixo no mercado internacional, com a entrada da safra norte-americana. 

 

Informações por Scot Consultoria

Compartilhar

Últimas Notícias

Leilão Especial Gado de Corte