Pecuária

Confina Brasil: resultados apontam avanço e profissionalização da pecuária intensiva

Expedição organizada pela Scot Consultoria percorreu mais de 30 mil km e analisou 191 fazendas pelo Brasil

25/11/2021 - 17:43 | Por Redação - SBA | Siga-nos no Google News

A Scot Consultoria divulgou nesta quinta-feira (25), o balanço da expedição Confina Brasil 2021, que analisou 191 fazendas, de 14 estados, depois de 30 mil km rodados, entre os dias 21 de junho e 28 de setembro deste ano. 

O projeto nasceu em 2020 com o objetivo de reunir dados sobre a pecuária intensiva nacional. São levantadas informações sobre manejo, gestão, índices zootécnicos, infraestrutura e nutrição, entre outras.

As propriedades visitadas em 2021 correspondem por mais de 40% dos bovinos confinados no país, cuja estimativa é de 4,93 milhões de cabeças, segundo a Scot Consultoria. 

A avaliação da empresa com a expedição é que as fazendas dedicadas à pecuária de corte intensiva estão cada vez mais profissionais e com investimentos crescentes em técnicas modernas, como confinamento e semiconfinamento.

“Uma conclusão importante do Confina Brasil 2021 é o aumento de 25,8% do volume de gado confinado pelas mesmas propriedades pesquisadas em 2020. Na amostra, a quantidade de bovinos confinados este ano foi de 2.091.162 de cabeças”, informa o coordenador da expedição, Felipe Dahas.

Entre as fazendas pesquisadas neste ano, 79 propriedades, o que corresponde a 41,4%, investem em confinamento e/ou em semiconfinamento. Juntas, essas propriedades têm 214.115 bovinos semiconfinados, os quais, somados aos bovinos confinados (2.091.162 cabeças), resultam em 2.305.277 bovinos em sistemas intensivos de produção pesquisados pelo Confina Brasil.

Foram aplicados dois questionários aos entrevistados (proprietários, gerentes e/ou técnicos responsáveis) que tratavam sobre temas “estratégicos” e “infraestrutura”. Além de ser feito presencialmente, o questionário foi respondido remotamente por 59 participantes que participaram do Confina Brasil 2020.

As propriedades analisadas são dos estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Rondônia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Tocantins, Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo e Goiás.

Os principais resultados da pesquisa relacionados à comercialização do gado confinado, gestão, nutrição, sanidade e equipamentos serão apresentados no Benchmarking Confina Brasil 2021.

 

Foto de capa: Agromovies/ Confina Brasil 2021.

Compartilhar

Últimas Notícias