Brasil e Chile discutem aumento da integração comercial

Os dois países assinam na próxima semana memorando de entendimento sobre orgânicos

Brasil e Chile discutem aumento da integração comercial

Os dois países assinam na próxima semana memorando de entendimento sobre orgânicos

Internacional
Por Esthéfanie Vila Maior - SBA
14/09/2018 às 10h
Compatibilidade do limite máximo de resíduos de defensivos também foi discutida

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e o embaixador do Chile no Brasil, Fernando Schmidt Ariztía, se reuniram, nesta quinta-feira (13), para discutir maior integração comercial e o memorando de entendimento sobre orgânicos entre os dois países.

O embaixador lembrou que será necessária a elaboração de um plano de trabalho, no prazo de 30 dias após a assinatura do memorando de entendimento sobre orgânicos, para sua implementação. De acordo com Blairo Maggi, o acordo será executado o mais rápido possível. Os dois países assinam o documento na próxima semana em reunião do Conselho Agropecuário do Sul (CAS).

O ministro adiantou que, durante a reunião do CAS, será apresentado levantamento sobre a compatibilidade no limite máximo de resíduos de defensivos. O levantamento foi realizado entre os países integrantes do Conselho, Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai, Chile e Bolívia,  a pedido de Blairo Maggi. “Não pode haver integração sem compatibilidade na legislação dos países”, observou. 

A reunião está marcada para a próxima semana, em Buenos Aires, entre os dias 19 e 22.

Veja também


Comentários


© Copyright 1996-2018 - Sistema Brasileiro do Agronegócio - Todos os Direitos Reservados