Novas plantas para exportação de carne de aves ao México são habilitadas

Expectativa é de ampliar as vendas externas de frango para o país

Novas plantas para exportação de carne de aves ao México são habilitadas

Expectativa é de ampliar as vendas externas de frango para o país

Pecuária
Por Esthéfanie Vila Maior - SBA
19/11/2018 às 10h
Mapa recebeu comunicado nesta semana 

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) recebeu comunicado da habilitação de 26 novos estabelecimentos para exportação de carne de aves ao México. As habilitações são resultado da missão de auditoria realizada, em agosto de 2018, por autoridades mexicanas.

A medida representa aumento de 130% no número de plantas brasileiras aptas a exportar carne de aves ao México, que agora chega ao total de 46.

“A expectativa é que a habilitação de novas plantas permita a retomada da tendência de ampliação nas exportações brasileiras de carne de frango para o México”, comentou o secretário de Relações Internacionais do Agronegócio do Mapa, Odilson Silva. De janeiro a outubro de 2018, os envios somaram US $ 138 milhões, ante US $ 185 milhões, em 2017.

O México produz 3,9 milhões de toneladas de carne de frango por ano e importa mais 640 mil toneladas, cerca de 13,4% do seu consumo. Os principais fornecedores são Estados Unidos, Brasil e Chile.

Também está sendo discutida a vinda, ainda em 2018, de outra missão mexicana ao Brasil, desta vez para avaliar a ampliação do número de estabelecimento habilitados a exportar carne bovina termoprocessada.

Veja também


Comentários


© Copyright 1996-2018 - Sistema Brasileiro do Agronegócio - Todos os Direitos Reservados