Geral

Fiscalização agropecuária nos aeroportos contará com reforço

Novas novas integrantes das Equipes K9 do MAPA estão realizando treinamento

26/03/2019 às 13h   |   Por Douglas Ferreira - SBA

Foto: Noaldo Santos (Mapa)

Os aeroportos do Galeão (RJ) e Guarulhos (SP) até o fim deste ano contarão com uma novidade, o serviço de cães farejadores, o objetivo é evitar a entrada de doenças e pragas que podem estar nos alimentos de origem vegetal ou animal dentro das bagagens. Os animais provavelmente serão utilizados na Região Norte do país, nas fronteiras de Roraima (RR) ou no aeroporto de Belém (PA).

Os reforços na fiscalização serão feitos por Frida, Vamp e Meg, as novas novas integrantes das Equipes K9 do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) estão realizando treinamento no Centro Nacional de Cães de Detecção (CNCD), assim que o treinamento de aproximadamente três for concluido, serão direcionadas aos aeroportos. No Centro, os cães dispõe de um cuidado especial, incluindo alimentação balanceada, controle de medicações e higiene adequada. Os treinamentos são feitos todos os dias nos períodos da manhã e tarde.

O Mapa regulamenta através da Instrução Normativa 74/2018 o emprego de cães para detecção de odores (farejadores) e nos procedimentos do Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (Vigiagro). Os animais também conseguem vistoriar cargas, embarcações, veículos e correspondência. Com grau de acerto maior que 97%, os cães são capazes também de reconhecer aproximadamente 80 cheiros diferentes.


Últimas Notícias

Comentários