Agricultura

Clima atrapalha semeio de trigo

Brasil e Argentina sofreram problemáticas em decorrência do tempo, mas, por outro lado, as lavouras se desenvolvem bem

25/06/2019 às 13h   |   Por Redação - SBA

Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) agentes do mercado de trigo estão concentrados no clima do Brasil e Argentina. De modo geral, o tempo tem beneficiado a evolução das lavouras já implantadas, entretanto, em alguns casos, dificulta o semeio de novas áreas. Enquanto no Paraná o clima seco limita as atividades, no país vizinho, é a umidade que tem sido prejudicial para o avanço dos trabalhos.

Mesmo diante da situação o semeio do trigo (2019/20) no Brasil e na Argentina está em linha com o observado no mesmo período do ano passado. Já em relação à comercialização do grão e dos derivados no mercado nacional, o ritmo segue lento, principalmente porque as ofertas de compradores e vendedores se mantêm fora do mercado, conforme relatos de colaboradores do indicador. Além disso, a oferta de trigo de boa qualidade para processamento está baixa. Em relação aos derivados, houve oscilação nas cotações das farinhas, mas avanço nos preços do farelo, em decorrência da demanda um pouco maior por esse produto.

 


Fonte: Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea)


Últimas Notícias

Comentários