Nacional

Caminhoneiros sinalizam nova paralisação

Falta de responsabilidade do governo é um dos motivos

26/03/2019 às 20h   |   Por Davi Nunes - SBA

Os caminhoneiros ameaçam fazer uma nova paralisação. O principal problema segundo a categoria
seriam o aumento do diesel e o descumprimento da tabela de frete. O governo está de olho para evitar
problemas.


Segundo, o gabinete de segurança institucional do governo está monitorando a movimentação dos
caminhoneiros no país porque não quer que a situação saia do controle como aconteceu no ano passado.
As investigações apontam que há uma articulação por mensagens via whatsapp que citam paralisações na
próxima sexta-feira, 30 de março. O presidente da câmara temática de infraestrutura e logística do
agronegócio diz que uma nova paralisação não vai ajudar, ainda mais num momento de safra.


Representantes das associações que representam a classe dos caminhoneiros tiveram uma reunião com o
ministro-chefe da casa civil, Onyx Lorenzoni. Também estavam presentes, a diretoria da Agência
Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e o secretário executivo do ministério da infraestrutura,
Marcelo Sampaio.


Os caminhoneiros dizem que os principais compromissos assumidos pelo governo Michel Temer para
encerrar a greve não estão sendo cumpridos.
A previsão é que até a próxima semana o presidente Jair Bolsonaro se manifeste sobre os pedidos dos
caminhoneiros, como piso mínimo da tabela de frete e o preço do óleo diesel.


Últimas Notícias

Comentários